Vamos voltar um pouco na história.

Lá na década de 70, Edgar Frank Codd criou o modelo de banco de dados relacional e a linguagem SQL. Os bancos de dados relacionais deu tão certo que começaram a criar variáveis (DB2, Oracle, SQL Server, etc), obrigando o ANSI (American National Standarts Institute) a criar uma padronização.

Vamos ao SQL agora.

SQL é uma Linguagem de Consulta Estruturada para acesso aos BD’s e tem sua modificação (sotaques, dialetos) de acordo com o Sistema Gerenciador do Banco (Oracle, SQL Server, DB2, PostgreSQL, etc), os dialetos usados por cada um desses SGBD tem suas modificações, o seu dialeto, por exemplo: Oracle – PL/SQL, SQL Server – T-SQL.

Exemplos de uso do SQL

  • Acessar os SGBDR
  • Definir e manipular os dados de uma Base.
  • Configurar acesso e permissões aos Bancos e seus objetos

Os grupos de comando

SQL tem agrupamento de comandos que facilitam no entendimento da linguagem. Vou citar Os principais (DML, DDL, DCL, DQL e DTL).

  • DML (Data Manipulation Language)
    Linguagem de Manipulação de Dados

Usando para manipular os dados do BD, composto basicamente pelos comandos: INSERT, UPDATE E DELETE. É muito comum ter o comando SELECT relacionado a este grupo.

  • DDL (Data Definition Language)
    Linguagem de Definição de Dados

Usado normalmente para criar a estrutura, bases, objetos. Os comandos desse grupo são: CREATE, DROP, ALTER.

  • DCL (Data Control Language)
    Linguagem de Controle de Dados

Controla o acesso aos dados, qual usuário pode acessar qual base, qual objeto e até qual informação dentro de cada objeto. Seus comandos são GRANT e REVOKE. Não é tão difícil encontrar BEGIN, COMMIT E ROLLBACK nesse grupo.

  • DQL (Data Query Language)
    Linguagem de Consultas de Dados

Aqui é um grupo de um, brincadeira de escola, risos. Embora só tenha um comando nesse grupo, sem dúvida, é o mais usado do SQL, o comando SELECT. É tão usado que tbm é considerado um comando DML. O SELECT tem vários complementos para sua estrutura, esses complementos são chamados de:

  1. Cláusulas (FROM, WHERE, GROUP BY, HAVING, ORDER BY, DISTINT)
  2. Operadores Lógicos (AND, OR, NOT) e de comparação (<, >, <>, <=, =, >=, BETWEEIN, LIKE)
  3. Funções Aritméticas (AVG, COUNT, SUM, MIN, MAX).
  • DTL (Data Transaction Language)
    Linguagem de Transação de Dados

Responsável por gerenciar as transações na base. Seus Comandos são: BEGIN TRAN/TRANSACTION, COMMIT, ROLLBACK em alguns SGBDs é usado tbm o comando SAVEPOINT

Por hoje é só, até a próxima… e não esqueça de ir dar aquela espiadinha nos posts abaixo:

Trabalhando com SELECT

2 comentários

  1. erotik em 16/02/2021 às 10:58

    Wow, this post is good, my younger sister is analyzing such things, so I am going to inform her. Melli Constantin Lelah

  2. Raul em 31/01/2021 às 20:59

    Muito bom Will parabéns.

Deixe um Comentário